Ambulatório de cardiologia do SUS promete eliminar fila de espera

0
55

O equipamento, que recebeu investimento de R$ 48 mil, deve ser aberto à população a partir do dia 1º de março e desafogar a fila de espera do SUS (Sistema Único de Saúde) para consultas e exames dessa especialidade. Atualmente, 1,2 mil pacientes esperam por atendimento.

“Além de cuidar e tratar, a prevenção é sempre um elemento fundamental. Pensando nisso, criamos esse ambulatório para ser ofertado a todos, de forma universal e integral. A meta fixada pelos responsáveis é de 40 atendimentos ao dia, com eliminação total da fila em dois meses”, afirma o prefeito.

Responsável técnico do hospital, o médico Walther de Oliveira Campos Filho ressaltou a importância da criação deste serviço para cidade. “De segunda a sexta, das 7h às 19h, vamos oferecer esse serviço de qualidade para o povo”, afirma. “Queremos eliminar a fila de espera na área da cardiologia e, depois, seguir com o ambulatório em um ritmo tranquilo, bem direcionado para a qualidade. Teremos a parte de orientação aos pacientes, horários pré-estabelecidos e médicos que acompanharão os casos individualmente para otimizar o protocolo”, concluiu. Para isso, três novos especialistas foram contratados.

A equipe de serviço será composta por duas recepcionistas, dois técnicos de enfermagem e quatro cardiologistas, que farão o diagnóstico e tratamento de doenças do coração, como insuficiência cardíaca, miocardiapatias, hipertensão, arritmias, valvulopatias e doenças caronarianas.

Promessas

Além de cortar a faixa de inauguração, Nogueira aproveitou a reunião para apresentar algumas metas relacionadas à saúde pública. Durante entrevista coletiva, o prefeito de Ribeirão Preto prometeu entregar a obra já iniciada da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Sumarezinho, ainda neste primeiro semestre, assim como a retomada da unidade Norte e resgate da UPA da Vila Virgínia.

A previsão de término destes projetos é 2020. “E tem mais: na semana passada, a equipe da Secretaria Estadual de Saúde esteve conosco vistoriando o terreno da Vila Virgínia, que comporta adequadamente a construção do AME. Estamos aguardando uma definição técnica para submeter a apreciação do governador essa eventual autorização e aproveitar projetos já existentes”, ele finaliza.

Dossiê da saúde

Jane Aparecida Cristina , assistente do secretário municipal da saúde, falou sobre o contrato de quase R$ 4 milhões, que visa resolver os problemas dos postos de saúde da cidade. Ao ACidade ON, ela afirmou que nove unidades devem ser beneficiadas com a verba. Entre elas, três já estão encaminhadas para reforma: as UBDSs do Quintino Facci II, da Vila Mariana e Jardim Aeroporto, todas na zona Norte.

“As prioridades foram classificadas de acordo com a vistoria feita pela vigilância sanitária. A UBDS da Vila Virgínia também deve ser reavaliada. Quanto ao prazo, será consequência. Conforme a obra de uma unidade chegar ao fim, já vamos dar inicio a outra, dando seguimento na questão das prioridades. A conclusão depende desse caminho”, finaliza Jane.

Fonte: http://www.cbnribeirao.com.br/noticias/cidades/NOT,2,2,1307626,ambulatorio+de+cardiologia+do+sus+promete+eliminar+fila+de+espera.aspx

Compartilhar
Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. Troquei o cuidar assistencial pelo cuidar informacional e escrevi o Blog Artrite Reumatoide, para compartilhar a minha dor, aprendi então, que Dor Compartilhada é Dor Diminuída. Hoje sou “Patient Advocacy”, social media, graduanda do curso de jornalismo na FiamFaam, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde e uma eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta